113408-OOKC47-633

O Comitê Gestor de Sustentabilidade do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão, responsável pela política institucional de Sustentabilidade do Tribunal, deu início, a partir de 13 de setembro de 2018, a uma campanha de coleta seletiva de resíduos direcionada a todos os servidores, estagiários, terceirizados e visitantes, enfim todos que trabalham e circulam no prédio do TCE-MA.

A ação, que tem como objetivo o correto descarte de variados materiais que fazem parte do dia a dia no ambiente de trabalho, se dará em várias frentes. O recolhimento será primordialmente de plásticos, papel e vidro, mas também de pilhas e baterias, material de expediente, além de papel e papelão de uso interno dos setores.

"O Comitê de Sustentabilidade acha de fundamental importância esta campanha da coleta seletiva no TCE/MA por ser uma ação que envolve os servidores, colaboradores, terceirizados e visitantes, demonstrando que é imprescindível o engajamento de todos na destinação correta dos resíduos aqui produzidos e assim contribuirmos na preservação do meio ambiente", avalia Josimar, membro do Comitê Gestor de Sustentabilidade.

Já estão instalados, nos corredores dos três pisos do prédio-sede, os kits de lixeira para coleta seletiva, relativos ao recolhimento de papel (cesto de cor azul), plástico (cesto de cor vermelha) e vidro (cesto de cor verde). Ao lado desses cestos, será instalado mais uma lixeira para o descarte de pilhas e baterias. Os sacos que forrarão os depósitos para coleta seletiva serão reutilizados para a mesma função, com exceção de situações que possam ocasionar mal cheiro, atrair insetos, conter substâncias que possam apresentar perigo à saúde. 

ON5YQT0

Já o recolhimento de material de expediente, como lápis grafite e colorido, lapiseiras, canetas, canetinhas, borrachas, apontadores, marca-texto, marcadores permanentes e marcadores de quadro branco será feito na Superintendência de Qualidade de Vida (Suvid), que terá um display exclusivo para essa função. Sempre que os recipientes estiverem cheios, ou quando for conveniente, eles serão recolhidos pela Suvid e dado o destino adequado.

Para o descarte de papel e papelão de uso interno, será disponibilizada uma caixa para cada setor, onde deverão ser acondicionados esses materiais para serem coletados in loco pela Ascamar (Associação de Catadores de Material Reciclável) ou serem descartados nos postos de coleta do Ecocemar. Ficará a cargo de cada setor acionar a Supervisão de Serviços de Apoio (Susap) para providenciar o recolhimento das caixas padronizadas quando estiverem cheias. O colaborador da empresa de limpeza levará as caixas e depositará o resíduo nos sacos plásticos do contêiner correspondente e em seguida fará a reposição.

Caberá à empresa responsável pela limpeza fazer o manejo dos depósitos de coleta seletiva e das caixas dispostas nos setores; manter forrados, com saco plástico adequado, os depósitos para coleta seletiva instalados; e acompanhar o acúmulo de resíduos nos depósitos para coleta seletiva e, quando estiverem cheios, fazer o transporte até o contêiner correspondente onde os resíduos serão acondicionados em outros sacos plásticos.

O Núcleo de Sustentabilidade, junto à Suvid, será o responsável por providenciar, quando os contêineres estiverem cheios, a correta destinação de todos os resíduos.

Buscar em Notícias

Diário Oficial Eletrônico

Outubro 2018
D S
30 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31 1 2 3

SESSÃO PLENÁRIO

foto plenario

Acompanhe ao vivo. Terças, quartas e quintas às 10h.