Caros gestores, como foi bastante divulgado nas mídias impressas e eletrônicas, a forma da prestação de contas municipal para o exercício de 2016 mudou, e mudou para melhor. Tal evolução pode ser vista sob três aspectos. Confira:

I) Melhor para o jurisdicionado

Com o uso de diversas ferramentas online, como SACOP, SAE, SIGER, FINGER e IEGM, o volume de documentos enviados diminuiu bastante. Além disso, muitas peças serão enviadas em formato de planilhas eletrônicas que podem facilmente  ser extraídas dos sistemas das prefeituras e das câmaras.

II) Melhor para a população

A prestação de contas está melhor estruturada e mais transparente, tornando fácil para a sociedade verificar o planejamento governamental e a execução dos orçamentos.

III) Melhor para o Tribunal de Contas

Os dados enviados, tanto de forma on-line quanto por meio de planilhas eletrônicas, serão usados para alimentar nosso banco de dados, otimizando o tempo de análise das contas.

Mas para que tudo dê certo, na hora de entregar a documentação é necessário alguns cuidados. Por isso elaboramos um roteiro para a organização das contas.

banner contas novo